A organização do Festival de Dança de Joinville, divulgou nessa segunda-feira (15/05) os selecionados para a 35ª edição do evento. Ao todo, foram 256 coreografias selecionadas para a competição e 1498 para os palcos abertos distribuídas nos diferentes gêneros: Balé Clássico de Repertório, Balé Neoclássico, Dança Contemporânea, Danças Populares, Danças Urbanas, Jazz e Sapateado.

Para a Mostra Competitiva, que ocorre no palco principal do Centreventos Cau Hansen, são 212 trabalhos de 11 estados brasileiros e um do Distrito Federal. Uma coreografia do Paraguai também está entre as aprovadas totalizando 133 grupos selecionados.

No Meia Ponta, são 44 coreografias de 36 grupos representando oito estados brasileiros. Além dos aprovados na seletiva 2017, dançam também na Mostra Competitiva e Meia Ponta os bailarinos que se apresentaram em 2016 e ficaram em primeiro lugar.

Para os Palcos Abertos com apresentações em shoppings, praças e espaços alternativos de Joinville – sem o caráter competitivo – a curadoria artística elegeu 1.498 coreografias, de 471 grupos vindos de 17 estados, do Distrito Federal e outros três países. Para os Palcos Abertos, também foram aprovadas seis coreografias da Argentina, uma do Paraguai e uma da Sérvia.

A relação das coreografias aprovadas pode ser conferida nos links abaixo:

Os grupos aprovados têm até o dia 22 de maio para fazer a confirmação da participação na 35ª edição do festival.

O Festival de Dança de Joinville será realizado de 18 a 29 de julho e teve número recorde de inscrições em 2017 com 3.226 coreografias, 6,8% a mais do que no ano anterior. “O número de trabalhos aumentou, principalmente no Meia Ponta. Ficamos muito satisfeitos com este crescimento exponencial. O Festival vem se aprimorando a cada ano, se consolidado com um dos mais importantes eventos de dança do mundo, com trabalhos cada vez mais caprichados, claros e precisos. Certamente o público vai se emocionar com as apresentações”, comenta a curadora artística do 35º Festival de Dança de Joinville, Thereza Rocha.